Cada dia que amanhece assemelha-se a uma página em branco, na qual gravamos os nossos pensamentos, ações e atitudes. Na essência, cada dia é a preparação de nosso próprio amanhã.



sábado, 4 de dezembro de 2010

O mais estranho é parar pra pensar, é perceber que as coisas tomaram um rumo diferente do que se planejava. É extremamente difícil entender o porquê de tudo, querer explicações, que na realidade, não existem. As coisas acontecem como devem acontecer. Amores fortes tomam conta de nós e em questão de tempo eles deixam de ser tão fortes assim, acabamos nos acostumando. Alguns amigos às vezes são tudo o que temos, mas o tempo vem e os leva de nossos caminhos, viram boas lembranças. Tudo está em contínua mudança, hoje sei que a pior dor é as do costume, é a do apego a algo ou alguém. Rotinas que se tornam chatas, mas que se deixassem de ser como são, tudo seria ainda mais chato. Digo de ver aquela pessoa nos mesmos dias, fazer as mesmas coisas nos mesmos dias, em algum momento iremos querer mudar. O que sei é que a partir do momento que isso deixa de acontecer, fará falta. Tentar não olhar pra trás nem sempre é suficiente, olharás ainda que não queiras, porque todos nós precisamos disso, involuntariamente queremos reviver cada minuto dos bons que passamos e talvez até voltar naquele dia ruim, só pra ver se hoje faria diferente, se encontraria alguma razão. Podemos encontrar dentro de nós, nosso melhor amigo e inimigo. Você tem decisões a ser tomadas e não poderá fugir disso, ainda que seja ruim quando a questão é escolher entre o sim e o não. Algumas pessoas e momentos passam despercebidos em nossas vidas e sabemos que faria diferença se déssemos mais valor, se talvez percebêssemos que tudo pode ser mais, que de todos os momentos pode se arrancar algo bom, desde um aprendizado até sorrisos inesquecíveis. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário